quinta-feira, 26 de setembro de 2013

Após pausa, Conceição corre em Curitiba para nova etapa do Circuito

De volta. Neste domingo (29), a corredora Conceição Oliveira retorna ao Circuito Nacional de Corridas de Rua na etapa de Curitiba. Após sétimo lugar em Porto Alegre, a piauiense manteve a vice-liderança do ranking nacional de corredores organizado pela Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt). Restando apenas dez provas para o final do calendário, Conceição reforça a temporada sem lesões e a confiança de um novo pódio.
- Aproveitei esses dias sem competições para treinar com mais regularidade. Com tantas competições seguidas acabamos treinando com mais cautela até mesmo para não ter lesões e, consequentemente, se manter sempre bem durante todo o ano – comenta Conceição Oliveira.

Com 293 pontos, a piauiense está atrás da líder Roselaine de Sousa Silva (365 pontos) e mantém uma vantagem de 48 pontos para a terceira colocada, Edielza Alves Guimarães. A temporada 2013 já teve a disputa de 22 das 32 etapas previstas. Com a regularidade conquistada, Conceição confia em uma melhor colocação nos 10 km . A etapa de Curitiba, segundo a atleta, será fundamental para a Maratona de São Paulo, no dia 6 de outubro.

- Na semana passada fiz uma prova de revezamento em dupla já pensando nas provas de fogo que vou ter nos próximos domingos, em Curitiba e São Paulo. Estou na segunda colocação do circuito e quero manter essa posição até o final. Estou bem e confiante, esperando fazer uma boa prova – acredita Conceição. 
 
Por Josiel Martins
Teresina

domingo, 1 de setembro de 2013

Conceição fica em sétimo no Circuito de Porto Alegre

Atleta piauiense terminou percurso de 8,3km com o tempo de 29min29seg. Prova foi vencida pela colombiana Muriel Paredes.
O domingo em P.Alegre, na 22ª etapa do Circuito Nacional de Corridas de Rua, foi da colombiana Muriel Paredes. A atleta piauiense Conceição Oliveira fechou a prova apenas com o sétimo melhor tempo e viu de longe Paredes ser campeã com 28min25seg. Conceição, que esperava retornar ao pódio, terminou a competição com 29min29seg. Rosiane Xavier e Edielza Guimarães completaram as três primeiras colocações.
Vice-líder do ranking de corredores da Confederação Brasileira de Atletismo(CBAt) com 278 pontos, Conceição Oliveira foi surpreendida pela redução do percurso para 8,3km. Apesar da colocação, a atleta cruzou a linha de chegada na frente da Roselaine de Sousa, líder do circuito, que ficou em nono lugar.
Veja classificação do feminino


1.- Muriel Coneo Paredes (Colômbia/Luasa) - 28min25

2.- Rosiane Xavier dos Santos (GranCursos/CAIXA) - 28min34

3.- Edielza Guimarães (GranCursos/CAIXA) - 28min34

4.- Adriana Aparecida da Silva (Pinheiros) - 28min39

5.- Kleidiane Barbosa Jardim (GranCursos/CAIXA) - 28min48

6.- Maria Aparecida Ferraz (Luasa) - 29min05

7.- Conceição Oliveira - (Mizuno/CAIXA) - 29min29

8.- Maria Bernadete Cabral - 29min53

9.- Roselaine de Souza Silva (Cruzeiro/CAIXA) - 30min21

10.- Maria Zeferina Baldaia (CAIXA/Serquímica) - 30min34

sábado, 31 de agosto de 2013

Em Porto Alegre, Conceição disputa etapa do Circuito de Corridas de Rua

Com 278 pontos, atleta piauiense é vice-líder do ranking nacional da CBAt da temporada. Prova acontece neste domingo(1º): "Será mais uma missão", diz.

Nas ruas de Porto Alegre, Conceição Oliveira tentará manter a vice-liderança na temporada do ranking de corredores da Confederação Brasileira de Atletismo(CBAt). A atleta piauiense disputa, neste domingo(1º), a 22ª das 32 provas do Circuito Nacional de Corridas de Rua. Após o 10º lugar na Meia Maratona do Rio, Conceição vem "mordida" por um lugar no pódio.
- Estou partindo para mais uma missão, por isso espero que tudo ocorra bem. Na Maratona do Rio de Janeiro, corri os 42km conforme o planejado e acabou dando tudo certo. Em Porto Alegre, quero fazer a prova bem, chegar com 100%. Treinei firme para a etapa, com uma semana maior de preparação. Foi melhor - analisou Conceição Oliveira.
Além de Porto Alegre, o Circuito terá a Maratona da Bahia. Após 20 etapas do ranking, Conceição Oliveira soma 278 pontos e vê Roselaine de Sousa, atual campeã, com folga na liderança, com 352 pontos. Maria Bernadete Cabral é terceira, com 220 pontos. Os dez primeiros colocados na classificação final do ranking da CBAt integram o Programa Nacional de Apoio a Corredores de Elite de 2014.


sábado, 17 de agosto de 2013

Conceição revela estratégia na Meia Maratona do Rio: "Objetivo é pontuar"


Cada quilômetro percorrido, neste domingo(18), na Meia Maratona Internacional do Rio de Janeiro estará bem definido pela corredora Conceição Oliveira. Vice-líder no ranking nacional de corrida de rua, a atleta espera cumprir seu objetivo após percorrer os 21km: pontuar no circuito. Considerando a prova imprevisível, Conceição acredita que a resistência adquirida ao longo das 18 etapas da temporada será fundamental para uma boa chegada, no Aterro do Flamengo. E, quem sabe, uma colocação no pódio.
- Diante das muitas competições que fiz, vou ao Rio com o objetivo  de completar a prova e pontuar. É uma corrida extremamente forte, imprevisível, onde tudo pode acontecer. Não estou veloz, mas resistente. Na Meia do Rio, vou entrar com meu treino semanal completo. Por isso, vou encarar esse desafio como parte do treino. Vamos ver como vou sair, porém estou confiante e tranquila - analisou Conceição Oliveira.
Na última etapa, em Fortaleza, a atleta piauiense fechou os 10 km em quarto lugar, com o tempo de 36min11seg. Reclamando do forte calor da prova cearense, Conceição Oliveira revelou sua estratégia para o desafio no Rio. A previsão aponta para um domingo de sol, com temperatura média de 24ºC.
- Gosto de correr saindo de trás, com cautela. Na segunda metade da prova vou buscando posições. Durante esta semana treinei normalmente, já pensando na prova seguinte, em Porto Alegre, por ser uma prova rápida. Há um mês dou intervalos e o ritmo começa a cair agora. Vou voltar ao meu volume de treinos para ficar bem em Porto Alegre - comentou a corredora.
Com 244 pontos no ranking, Conceição Oliveira está atrás de Roselaine de Sousa Silva, que soma 336. Uma vitória na Meia Maratona do Rio vale 33 pontos. Os dez primeiros colocados na classificação final do ranking da Confederação Brasileira de Atletismo(CBAt) integram o Programa Nacional de Apoio a Corredores de Elite de 2014.
Por Josiel Martins


Teresina

domingo, 4 de agosto de 2013

Na etapa de Fortaleza, Conceição fica em quarto lugar.

A piauiense Conceição Oliveira terminou, neste domingo(4), a etapa de Fortaleza do Circuito Nacional de Corridas de Rua em quarto lugar. A prova foi válida pela 18ª do ranking da Confederação Brasileira de Atletismo(CBAt). A corredora percorreu os 10 km com o tempo de 36min23seg. A próxima etapa está programada para domingo(11), em Recife(PE).
Rosiane Xavier dos Santos (34min54seg) ficou com o primeiro lugar. O pódio foi completado por Edielza Guimarães (35min13seg) e Roselaine de Sousa Silva (36min11seg). O trio puxou o ritmo da prova desde o primeiro quilômetro.


No ranking, Conceição Oliveira é vice-líder, atrás de Roselaine. A piauiense soma 226 pontos, contra 314 da líder. Maria Bernadete Cabral aparece em terceiro, com 175. Após a prova em Fortaleza, restam 14 para o ranking ser finalizado.


segunda-feira, 29 de julho de 2013

Calor será desafio para Conceição Oliveira no Circuito CAIXA em Fortaleza.

Vice-líder do ranking brasileiro de corrida de rua, a piauiense enfrenta o inverno paulistano durante os treinos para a prova deste domingo (4/8), no Ceará
São Paulo - Vice-líder do ranking brasileiro de corrida de rua, a piauiense Conceição Oliveira enfrenta as baixas temperaturas do inverno paulistano para treinar para a etapa de Fortaleza do Circuito CAIXA, neste domingo (4/8). E aponta o calor cearense como o maior desafio para os competidores que chegam do Sudeste em busca do pódio. A sexta etapa da competição terá largada às 7 horas no Hotel Marina Park, na Av. Castelo Branco, 400, e percursos de 5 km e 10 km.
"A mudança brusca de temperatura, saindo de um frio de 10, no máximo 15 graus para um calor de 30, 35 graus, será o meu grande obstáculo nessa prova. Mas é algo que todo atleta tem que estar preparado para enfrentar. Venho treinando em horários diferentes, um pouco mais tarde, nos últimos dias, para tentar me adaptar", explica Conceição Oliveira.
Mas o calor do Ceará também terá um lado positivo, para a fundista, que soma 226 pontos na vice-liderança do ranking brasileiro. "A etapa de Fortaleza ajudará a ganhar resistência para as próximas provas, que serão disputadas em locais mais quentes, como o Circuito CAIXA no Recife, na semana que vem (11/8), e a Meia Maratona do Rio de Janeiro", observa.
Vinda de duas provas longas (quinto lugar na Maratona do Rio de Janeiro e também na Meia da Bahia), Conceição busca agora ganhar ritmo para as provas mais curtas. Com um bom histórico na etapa de Fortaleza do Circuito CAIXA, foi bronze em 2012 e prata em 2011, a fundista usará a edição deste ano para testar sua velocidade. "Só agora comecei com os treinos de velocidade, então a prova servirá para me mostrar o quanto estou rápida. O importante é correr com o pelotão principal e brigar pelo pódio, o tempo será consequência", destaca a atleta.

Inscrições para Circuito CAIXA no Recife terminam domingo

O prazo para garantir uma vaga na etapa do Recife do Circuito CAIXA se encerra neste domingo (4/8). Para se inscrever, os atletas devem acessar o site www.circuitocaixa.com.br e pagar a taxa de R$ 60,00. Maiores de 60 anos têm um desconto de 50% sobre esse valor.
O Circuito CAIXA já teve etapas em Goiânia (7/4), Uberlândia (11/5), Belo Horizonte (26/5), Campo Grande (9/6) e Salvador (16/6). Depois das corridas no Nordeste, vai para o Sul, com etapas em Porto Alegre (1/9) e Curitiba (29/9), segue para Ribeirão Preto (19/10) e São Paulo (27/10), no Estado paulista, e encerra as comemorações de dez anos em Brasília (24/11). Passando por quatro das cinco regiões brasileiras, o evento conta com a chancela da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt). As 12 provas somam pontos para o ranking brasileiro de corredores de rua. Os dez primeiros colocados no ranking, no masculino e no feminino, garantem o patrocínio da CAIXA para 2014.
A competição é uma realização da HT Sports, com patrocínio da CAIXA Econômica Federal e co-patrocínio da Centauro. Também tem apoio de Água Mineral Indaiá, Citrus, Jovem Pan, Granola Croqui e Nutry. No Nordeste, também conta com o apoio da Prefeitura de Fortaleza e da Prefeitura do Recife, além da supervisão técnica da Federação de Atletismo do Ceará, Federação Pernambucana de Atletismo e CBAt.

Mais informações em www.circuitocaixa.com.br
Twitter: @CircuitoCaixa
Facebook: circuitocaixa
Acompanhe também a LOCAL nas redes sociais:
Twitter: @localcomunica

Facebook: LocaldaComunicacao
Local da Comunicação - Juliana Leite (MTB 49.580)
E-mail: juliana@localcom.com.br
Tels: Juliana (11) 3263-0683 e (11) 98457-9704

4º colocada na Meia da Asics

Conceição conquista mais um pódio!
4ª colocada na Meia Maratona da Asics em S.Paulo.

"Obrigada a todos pela torcida...Muito feliz com o resultado.
Depois de uma semana chuvosa e de muito frio,não deixei a peteca cair...Encarei a semana com vontade e muito treino."

segunda-feira, 22 de julho de 2013

Conceição Oliveira fica em 5º lugar em meia maratona da Bahia

Conceição Oliveira fica em 5º lugar em meia maratona da Bahia

Corredora Piauiense percorreu os 21 Km pelas ruas de Salvador em 1h22m47s, sete minutos atrás da 1ª colocada, a queniana Leah Jerotich.
Conceição Oliveira terminou a Meia Maratona Caixa da Bahia, disputada em Salvador na manhã deste domingo (21), na quinta posição. A corredora piauiense percorreu os 21 Km no tempo de 1h22m47s, sete minutos atrás da primeira colocada, a queniana Leah Jerotich.
Outras três brasileiras ficaram a frente de Conceição na posição final. Logo após a queniana, seguiram-se Marily dos Santos, Roselaine de Sousa e Maria Bernadete Cabral, com a piauiense fechando o grupo das cinco primeiras.Após a prova de Salvador, Conceição se prepara agora para as próximas provas que disputará do calendário nacional de corridas de rua. As próximas etapas serão disputadas em Fortaleza, Recife e Rio de Janeiro.
Por GLOBOESPORTE.COMTeresina

quinta-feira, 18 de julho de 2013

Após descanso, Conceição prevê nova sequência de provas do ranking




Após descanso, Conceição prevê nova sequência de provas do ranking.
Atleta piauiense, vice-líder no circuito, analisa provas no calendário nacional de corridas de rua. Próxima etapa acontece em Salvador, neste domingo (21).
 Vice-líder do circuito nacional de corridas de rua, Conceição Oliveira passou por uma "maratona" de provas no último final de semana. Foram três competições seguidas, incluindo um quinto lugar na Maratona do Rio de Janeiro. O desgaste pela sequência de provas fez a corredora passar por um período de descanso.Com o tempo de 2h52min02seg, a atleta foi a segunda melhor brasileira na Maratona do Rio, atrás de Marily dos Santos e das corredoras africanas. O resultado foi motivo de comemoração para Conceição, que recorda das dificuldades da prova.   
- Logo se formou um bloco de quatro meninas da frente com o ritmo mais forte. Como não estava descansada para ir junto, resolvi ficar no segundo bloco e tentar acompanhar o máximo que eu pudesse. Foi assim até o quilômetro 32. Nesse momento, aumentei o ritmo e ninguém veio comigo. Mantive o quinto lugar até o final. Terminei morta, sem forças, mas feliz com o pódio – comentou Conceição Oliveira.Com a pontuação da Maratona do Rio, a corredora pulou para 205 pontos no ranking da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt). Em primeiro, está Roselaine de Sousa Silva, com 285. A próxima competição no calendário é a Meia Maratona de Salvador, no próximo domingo (21). Conceição, entretanto, analisa a participação nas próximas quatro etapas.- Temos provas em Salvador, Fortaleza, Recife e Rio. Agora estou descansando e pensando mais provas que vai ser uma sequência – analisou a atleta.

segunda-feira, 8 de julho de 2013

Em Uberlândia, Conceição espera confirmar evolução na temporada.

Em Uberlândia, Conceição espera confirmar evolução na temporada.

Corredora faz sua quarta prova no circuito nacional de corridas de rua da CBAt neste domingo (12). Atleta afirma que já melhorou resistência ao longo do ano.
Dentro do tempo e com paciência. O planejamento para o circuito de corridas de rua da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) é a estratégia da corredora Conceição Oliveira para alcançar o primeiro lugar no ranking da temporada. São 31 provas ao longo do ano e, no domingo (12), a atleta compete em Uberlândia, Minas Gerais, em torneio válido pela oitava etapa nacional. Com mais um desafio, Conceição Oliveira acredita que irá conseguir melhorar seus índices.
Campeã da Indy Run 2013, competição realizada no último domingo em São Paulo, Conceição fez o percurso de 8 km no tempo de 30 minutos. Para a atleta, uma marca que mostra sua evolução em 2013.- Mesmo completando uma semana cansativa de treinos duros consegui fazer uma prova tranquila e finalizei em 30 minutos. Agora o objetivo serão os 10 km de Uberlândia. Está dando certo, pois sinto que estou voltando ao 100% do condicionamento. Vamos com calma e um pouquinho de paciência – explicou Conceição Oliveira.Priorizando os treinos, Conceição Oliveira correu três etapas do ranking CBAt de corredores de rua: a Meia Maratona de São Paulo e Florianópolis, além dos 10 km de Goiânia. No total, a atleta soma 57 pontos, ocupando o quarto lugar. Depois de Uberlândia, a próxima competição que terá participação da corredora será os 21 km da Corrida da Ponte, no Rio de Janeiro. A resistência, para a atleta, tem ganhado atenção.- Nos testes de qualidade tenho treinado bem, dentro do ritmo. Melhorei minha consciência na largada e já estou melhor. Tem muitas provas pela frente. Ainda é muito cedo para dizer quem vai ganhar ou não o circuito – destaca Conceição Oliveira.Os dez primeiros colocados na classificação final do ranking da CBAt, no masculino e no feminino, farão parte do Programa Nacional de Apoio a Corredores de Elite da CBAt em 2014. No ano passado, Conceição Oliveira ficou em terceiro lugar.
Por Josiel MartinsTeresina

domingo, 7 de julho de 2013

Conceição Oliveira 'dribla' viagens e fica em quinto na Maratona do Rio

Atleta piauiense fez três provas em 72 horas e encerrou participação com o segundo melhor tempo do Brasil. Competição carioca teve domínio africano.
A corredora piauiense Conceição Oliveira terminou em quinto lugar na Maratona do Rio de Janeiro, realizada neste domingo (7). Com o tempo de 2h52min02seg, a atleta foi a segunda melhor brasileira da prova, que teve mais uma vez o domínio africano. A etíope Letay Negash Hadush, 2h40min18s, foi a campeã. Rose Jepchumba e Pamela Cheyech Anisomuk, ambas do Quênia, completaram o pódio das três primeiras. Marily dos Santos (2h52min02seg) fechou o quarto melhor tempo.
Em 72 horas, a Maratona do Rio foi a terceira prova de Conceição Oliveira. Convidada para disputar os Jogos Regionais de Caraguatatuba, interior de São Paulo, a piauiense conquistou a medalha de prata nos 5 mil metros, na última sexta-feira (5), e o ouro nos 10 mil metros, no sábado.   
- Segui confiante para o Rio de Janeiro e mantive o ritmo acelerado. O importante é que venho conseguindo me manter nos pódios das últimas competições e fazendo uma temporada boa  analisou a corredora.A Maratona do Rio de Janeiro foi a 15º etapa do ranking nacional da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt). No circuito de corridas de rua, Conceição Oliveira ocupa a segunda colocação, com 169 pontos, atrás de Roselaine de Sousa Silva (255 pontos).
Por GLOBOESPORTE.COMTeresina

quinta-feira, 4 de julho de 2013

Conceição encara Maratona do Rio

Conceição encara Maratona do Rio para manter vice-liderança do ranking.

Antes de enfrentar os 42 km na tradicional prova carioca, atleta piauiense corre nos Jogos Regionais de Caraguatatuba nos 5 mil e 10 mil metros.
Cinco mil metros na sexta, 10 mil no sábado e 42 km no domingo. Loucura? Esse será o roteiro de provas da corredora Conceição Oliveira neste final de semana. A atleta foi convidada para os Jogos Regionais de Caraguatatuba, interior de São Paulo, e faz a Maratona do Rio de Janeiro, prova válida pela 15º etapa do ranking nacional da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt). Serão três dias intensos, mas Conceição garante que irá conseguir passar pelas “maratonas”. 
- Irei competir pela cidade de São José na sexta, na prova dos 5 mil, e no sábado, os 10 mil metros. Não poderia deixar de ir, pois a cidade tem me ajudado muito, apoiando sempre. Depois disso, viajo para o Rio de Janeiro. Vou fazer a maratona para ter mais pontos e manter a minha colocação no ranking, que também é importante – comenta Conceição.
Segunda colocada no ranking nacional de corredores, Conceição Oliveira soma 169 pontos, atrás de Roselaine de Sousa Silva (255 pontos). Em 14 provas disputadas, Conceição garantiu pontuação em oito. A última prova da piauiense foi em Porto Alegre, com o quarto melhor tempo (2h49min45seg). Segundo a atleta, todas as provas estão dentro do planejamento.
- Nossa, será que dou conta? Bem vamos em frente. Amo correr e adoro o que faço, embora seja uma loucura (risos). Enfim, conto com sua torcida. Sempre estou preparada. Mesmo com pouco tempo da Maratona de Porto Alegre, acredito que possa fazer boas provas. O tempo talvez não deva sair como gostaria, mas vou tentar fazer o melhor, além de muito esforço – analisa Conceição Oliveira. 
Por Josiel MartinsTeresina

sábado, 22 de junho de 2013

Quarteto no 10 miles Mizuno


Presença dos atletas Mizuno, Conceição Oliveira, Marily dos Santos, Valdir de Oliveira e Elson Gracioli na 10 Miles RJ. Boa sorte amanhã.Foto: Presença dos atletas Mizuno, Conceição Oliveira, Marily dos Santos, Valdir de Oliveira e Elson Gracioli na 10 Miles RJ. Boa sorte amanhã.

segunda-feira, 17 de junho de 2013

Conceição conquista o 4º lugar Maratona de Porto Alegre

Com domínio do Quênia, Conceição é quarta na Maratona de Porto Alegre.


A Maratona Internacional de Porto Alegre, disputada neste domingo (16), era o principal objetivo da corredora Conceição Oliveira no primeiro semestre do ano. Enfrentando forte ritmo das quenianas, a piauiense encerrou a competição com o quarto melhor tempo 2h49min45seg. Ednah Kukhwana, do Quênia, estabeleceu novo recorde da prova: 2h32min47seg. A sua compatriota, Jacklyne Chemiek Rionoripo (2h36min50seg) fez a dobradinha. Graciete Carneiro, em terceiro, foi a melhor brasileira da prova.
Enfrentando um forte resfriado nas últimas semanas – devido a mudanças de temperatura em São Paulo – a piauiense enfatizou o nível satisfatório do rendimento alcançado nas últimas provas e a forte competitividade na temporada. Em sua penúltima prova, Conceição Oliveira completou a Meia Maratona de Foz do Iguaçu com o tempo de 1h18min.- Ainda estou com uma gripe forte. Realmente fiz uma prova de superação – comentou a atleta, que analisou a prova:- Fiz uma largada conservadora, exatamente por não me sentir 100%. Deixei meu corpo dando o ritmo de prova e, ao longo da competição, fui mantendo minha posição. Fui a segunda melhor brasileira e o melhor de tudo é que terminei bem. Essa sensação me deixa confiante para a Maratona do Rio no dia 7 de julho - avaliou. 
No masculino, Marcos Alexandre foi o vice-campeão da prova, terminando atrás do queniano Kiprop Mutai, que conquistou o bicampeonato, com o tempo de 2h16min27seg.
A Maratona Internacional de Porto Alegre contou pontos para o ranking de corredores nacionais da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt). De 32 etapas, 14 foram disputadas. Com o quarto lugar em Porto Alegre, Conceição conquistou 28 pontos. Na última atualização do ranking, a piauiense aparecia na terceira colocação (com 133 pontos). Roselaine de Sousa Silva – campeã da etapa Salvador de Corrida de Rua neste domingo – lidera com 225 pontos.- Vou fazer o que der pra fazer. Até lá vou tentar manter minha posição. Este ano está mais competitivo, mas estou firme – ressalta Conceição Oliveira.Por GLOBOESPORTE.COMTeresina

quinta-feira, 6 de junho de 2013

Conceição comemora posição, mas com cautela: ‘está mais competitivo’

Conceição comemora posição, mas com cautela: ‘está mais competitivo’

Depois de 11 etapas, a piauiense Conceição Oliveira assumiu a segunda colocação no ranking. Conceição volta a competir dia 16 em Porto Alegre.
Depois de 11 etapas, a piauiense Conceição Oliveira assumiu a segunda colocação no ranking CAIXA/CBAt de Corredores de Rua 2013. A atleta comemora o resultado, mas sem perder a cautela. De acordo com ela, ainda é muito cedo para fazer previsões.
Atrás apenas de Roselaine de Sousa Silva, Conceição somou, durante as primeiras corridas, 118 pontos. No último final de semana, por exemplo, ela foi a segunda melhor brasileira na Meia Maratona de Foz do Iguaçu ao completar a prova com o tempo de 1h18min.- O desempenho é satisfatório, mas ainda é muito cedo. Muitas provas ainda irão acontecer – afirma.Conceição Oliveira lembra que, este ano, seu calendário irá sofrer alterações por conta de um acerto com um patrocinador. Com isso, ela terá que disputar algumas competições do novo patrocínio. Nada que a impeça de manter a vice-liderança no ranking de Corredores de Rua.- Vou fazer o que der pra fazer. Até lá vou tentar manter minha posição. Este ano está mais competitivo, mas estou firme – ressalta a piauiense.Sem tempo para comemorar, Conceição Oliveira se prepara para mais um desafio. No dia 16 de junho, ela disputa a Maratona de Porto Alegre. Até lá, ela espera se recuperar de um resfriado e ficar 100% para brigar pelo pódio.- Meu objetivo é a Maratona de Porto Alegre. Pequei um resfriado por conda das mudanças de temperatura em São Paulo, mas acredito que vou estar boa até. Vamos aguardar o resultado final – afirma.Por Josiel Martins e Aline RodriguesTeresina

segunda-feira, 27 de maio de 2013

2ª brasileira na Meia das Cataratas

Conceição Oliveira, 7ª colocada geral e 2ª brasileira com 1h 18 min na Meia Maratona das Cataratas.
Parabéns!!!

quarta-feira, 22 de maio de 2013

Meia Maratona das Cataratas

Conceição Oliveira segue para seu próximo objetivo no domingo dia 26 de maio,a Meia Maratona das Cataratas.


Boa Sorte Con, vai com tudo!

segunda-feira, 22 de abril de 2013

Conceição Oliveira revela dicas para atletas do GP Teresina Corrida de Rua

Terceira melhor corredora do país em 2012 sugere hidratação,descanso e alimentação equilibrada. Cuidados com o corpo e mente são fundamentais.

Hidratação,descanso e alimentação equilibrada. Esses são os três pilares para a realização de um GP Teresina Corrida de Rua forte e sem problemas com o corpo. As dicas fundamentais são de uma corredora campeã: a piauiense Conceição Oliveira - líder do circuito brasileiro de corridas de rua nos anos de 2005,2008 e 2011 - revela como se preparar antes para o dia da prova. Exemplo de superação,a atleta alerta os cuidados para a prática esportiva aos iniciantes: calma e um passo de cada vez.

Antes de tudo, a empolgação para o começo da prova não deve atrapalhar o planejamento do percurso. Lembre-se: toda prova começa com uma caminhada leve, com aumento do ritmo apenas quando seu corpo estiver pronto, respondendo aos comandos. Para explicar essa dica, Conceição tem um exemplo que sofreu na pele: Na primeira prova da carreira, a piauiense correu sem orientador físico e chegou a passar mal, devido a uma febre muscular. Para não cair no mesmo erro, Conceição alerta:
- É fundamental a orientação de um profissional da área para que o atleta não misture a corrida com a empolgação. É o melhor caminho para um bom condicionamento. Sem esse profissional, complica um pouco. Recordo que na primeira corrida não tive um acompanhamento médico e comecei a correr sem parar. Tive febre muscular. Nunca esquecerei isso. Cheguei em casa totalmente acabada. Não estava acostumada a correr. Passei uma semana na cama, com febre e dores. Uma prova de 10km exige muito do organismo, por isso cautela - recomenda Conceição Oliveira.
Terceira colocada do ranking nacional de corredores da Confederação Brasileira de Atletismo(CBAt) do ano passado, Conceição revela ainda que os participantes prestem atenção com as respostas do corpo durante o percurso. Todos os cuidados são para um objetivo: não desistir da prova e ficar frustado pelo desempenho.
- O nosso corpo fala durante a atividade física. Batimentos acelerados do coração e fadiga, por exemplo, podem ser sinais de que é preciso moderar a passada. É sempre bom obedecer aos nossos estímulos para evitar um fim de prova precoce. Afinal, não somos uma máquina - comenta a atleta.
Paciência e persistência são fatores psicológicos, de acordo com Conceição Oliveira, necessitam de motivação. E, por último, vai o conselho de uma guerreira das provas de corrida de rua.
- O melhor caminho para uma qualidade de vida cheia de autoestima é a prática de atividade física. Começamos com um passo e depois sempre há um progresso. Em longo prazo a pessoa que pratica exercícios será beneficiada. É preciso, por isso persistência. Não desmotive - aconselha a atleta.

quarta-feira, 20 de março de 2013

Conceição prioriza velocidade na Meia Maratona de Florianopólis

Satisfatória. Essa é a avaliação da corredora Conceição Oliveira sobre o desempenho na Meia Maratona Internacional de São Paulo, prova que abriu o ranking da Confederação Brasileira de Atletismo(CBAt) de Corrida de Rua no último domingo.Décima terceira colocada da prova, a atleta optou em fazer uma estratégia diferente no início de temporada: analisar as passagens a cada 5 km do percurso para avaliar resistências e velocidade.
Os resultados, na interpretação de Conceição, foram adequados para o começo do calendário da CBAt, que conta neste ano com 32 provas.
- A Meia Maratona de São Paulo foi uma avaliação legal. Fiz uma prova conservadora, pois sei que não estou nos meus 100%. Fiquei muito contente com os resultados das passagens. Passei todas dentro do tempo estipulado.Agora a questão é treinar forte para, em breve, alcançar minha boa forma física. Muitos atletas não entram nas provas se não estiverem bem. Não tenho esse problema. É nas provas que consigo ver como e onde tenho que melhorar - explica Conceição Oliveira.
No próximo domingo(24), a atleta compete na Meia Maratona de Florianópolis, em Santa Catarina. Na prova, Conceição antecipa que a usaria para ganhar ritmo,principalmente, para buscar velocidade.
- Desta  vez será uma prova plana, mas que também serve para ganhar ritmo. Vamos aguardar as próximas competições e espero melhorar a cada uma delas. Não posso e não tenho pressa. São muitas competições até o final do ano - comentou a atleta.
Conceição terminou o calendário de provas do ano passado com 415 pontos - atrás da alagoana Marily dos Santos (512 pontos) e da campeã Roselaine de Sousa Silva(515 pontos). Os três mais bem colocados no ranking masculino e feminino receberão prêmios em dinheiro e os 10 primeiros nas duas categorias integrarão o Programa Nacional Caixa de Apoio aos Corredores de Rua de 2014.

Matéria: Josiel Martins
Teresina

sexta-feira, 15 de março de 2013

Conceição Oliveira inicia temporada e encara Meia Maratona de S.Paulo

O ranking da Confederação Brasileira de Atletismo(CBAt) Corredores de Rua do Brasil será aberto no domingo(17) com a Meia Maratona Internacional de São Paulo. E a corredora piauiense Conceição Oliveira - terceira colocada na temporada de 2012 - pretende iniciar o calendário com o pé direito.Será o primeiro desafio da atleta, que terminou na última segunda-feira(11) o treinamento base deste ano.
Na opinião da corredora, os 21 quilômetros da prova serão de avaliação.No retorno às competições no Brasil, Conceição admite que a velocidade ainda não está 100%. Ainda em busca da perfeição, a atleta explica que a Meia Maratona de São Paulo será um teste de resistência.
- É a primeira prova de resistência na temporada.Nunca corro bem, pois como a prova inicia o ano sinto ainda dificuldade na velocidade.mas vamos ver o que consigo fazer. Estou confiante. Nesse começo, os treinamentos de base focaram a resistência. Por isso temos que aprimorar a velocidade para fazer tudo bem feito e o rendimento não baixe, sem lesão, cansaço ou estresse. Acredito que em abril começa a temporada boa - comentou Conceição Oliveira.
Além da Meia Maratona, outras 31 etapas servirão de pontos para o ranking. Ao final das provas, os três mais bem colocados no masculino e no feminino receberão prêmios em dinheiro e os 10 primeiros nas duas categorias integrarão o Programa Nacional Caixa de Apoio aos Corredores de Rua de 2014.
Em 2012, Conceição terminou o calendário com 415 pontos - atrás da alagoana Marily dos Santos(512 pontos) e da campeã Roselaine de Sousa Silva(515 pontos). Sem fazer previsões, o circuito deste ano - na avaliação de atleta - será ainda mais competitivo.
- A expectativa sempre é a melhor, mas não devemos priorizar essa expectativa na cabeça. no início não dá para ter idéia de quem vai liderar, pois tudo é equilibrado e competitivo.Todos os atletas estarão retornando e a Meia Maratona será desafio para todos - considera Conceição Oliveira.
A prova
A largada para a Meia Maratona de São Paulo acontece às 7h10 na Praça Charles Miller, em frente ao Estádio do Pacaembu. Os corredores passarão por pontos históricos, como a Avenida Rio Branco, Palácio dos Campos Elíseos, Estação da Luz e Monumento Duque de Caxias. No ano passado, o queniano Joseph Aperumoi(1:01:38) e Pasalia Chepkorir(1:12:29) venceram e estabeleceram novos recordes na competição. Já Marilson Gomes dos Santos, 2º colocado, e a piauiense Cruz Nonata da Silva,3ª, foram os brasileiros mais bem colocados.

Matéria: Josiel Martins

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Após desistir de prova em Caracas, Conceição mira Meia Maratona de SP

A corredora piauiense Conceição Oliveira participou, no domingo(24), da Meia Maratona de Caracas, na Venezuela. A atleta tentava o bicampeonato na prova, mas o resultado foi diferente do título do ano passado. Conceição acabou desistindo no quilômetro 25 da competição após sentir desconforto. Para o treinador Luiz Fernando Bernardi, que acompanha Conceição há oito anos, a decisão foi sensata para não prejudiá-la no calendário de Corrida de Ruas da Confederação Brasileira de Atletismo(CBAt).
Ritmo acelerado, percurso difiícil, cansaço e estresse. Esses foram as razões elencadas pelo técnico da atleta como possíveis fatores para a prova não ser completada. Na sua página no Facebook, Conceição Oliveira lamentou a saída da prova.
- Infelizmente não foi o meu dia. Desisti da prova no km 25, pois não consegui segurar o ritmo da prova. Para não sofrer um desgaste maior, resolvi parar. É algo que nunca faço, mas devido a muitas competições nesse ano achei que o melhor a fazer é poupar. Enfim, tentei... - escreveu a atleta em sua página pessoal no Facebook.
Apesar de frustante, a desistência da corredora, na avaliação de Luiz Fernando, não atrapalha os planos de Conceição em 2013. Segundo ele, a corredora teve uma leitura madura para não forçar uma possível lesão. Na noite desta segunda-feira(25), a atleta retorna ao Brasil e faz uma avaliação sobre o planejamento da temporada. A próxima prova deve ser a Meia Maratona de São Paulo, que abre o Ranking CBAt de Corredores de Rua, no dia 17 de março.
- Foi uma decisão onde o bom senso prevaleceu. Ela tem uma boa leitura do seu  corpo e optou em preservar. Mas isso não desanima.Acredito que a sua decisão minimiza os malefícios do futuro.Essa chateação pode ser trabalhada com motivação, de correr atrás do prejuízo e necessidade de conquista. Por isso, não vejo como resultado negativo.Ela (Conceição) vai ser recuperar, pois sabe que o atleta convive com vitórias e derrotas - avaliou Luiz Fernando.
Em 2012,Conceição Oliveira terminou o ranking da CBAt na terceira colocação com 451 pontos. A piauiense ficou atrás da alagoana Marily dos Santos(512 pontos) e da campeã Roselaine de Sousa Silva(515 pontos). Neste ano, 32 provas completam o circuito.Ao fim das etapas, os três mais bem colocados no masculino e no feminino receberão prêmios em dinheiro e os 10 primeiros nas duas categorias integram o Programa Nacional Caixa de Apoio aos Corredores de Rua de 2014.

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

Em férias no PI, Conceição termina folga para tentar bi na Venezuela


Acabou o descanso. Terceira colocada no ranking da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) de Corrida de Rua em 2012, Conceição Oliveira já sabe da sua primeira prova neste ano: a Maratona de Caracas, na Venezuela, em fevereiro. Recebendo convite da organização, a corredora tem boas recordações da prova. Foi nela que a atleta iniciou a temporada do ano passado e subiu no lugar mais alto do pódio pela primeira vez na temporada.
Agora, para também começar 2013 com o pé direito, Conceição tentará o bicampeonato. E, para isso, as férias tiveram que ser antecipadas. O período de descanso no Piauí – onde visitou parentes e amigos na cidade de Campo Maior, localizada 80 quilômetros ao Norte da capital Teresina – acaba no próximo dia 15, data em que a atleta volta para São Paulo para iniciar o período de treinamento com base em exercícios para o fortalecimento do corpo. Mas segundo Conceição, os 28 dias de relaxamento foram bem aproveitados.
- Após 28 dias de férias, estou leve, livre e solta (risos). Sinto que estou bem descansada e com muita disposição. Agora é voltar à rotina de treinos e às competições. Estou com ótimas expectativas para 2013. Fui campeã no ano passado na Venezuela e topei mais uma vez o desafio, que será novo. Agora estou no Palmeiras, um clube grande e completo. Corro equilibrada e bem concentrada para 2013 – afirmou Conceição.
Aos 36 anos, a corredora planeja melhores marcas e trabalhar os erros encontrados com treinos específicos. Segundo Conceição Oliveira, o volume de treinamento de 2012 foi o fator que a deixou sem lesão, ganhando mais força e resistência. No ranking da CBAt, foram 17 das 29 provas e 451 pontos somados. Roselaine Silva, campeã, fez 515 pontos, três a mais do que a alagoana Marily dos Santos, vice-campeã com 512.
Conceição Oliveira  (Foto: Josiel Martins/GLOBOESPORTE.COM)- Ficar entre as três primeiras colocadas mostra um ótimo ano de 2012. Estou contente, pois lutei ao máximo em todas as provas. Um novo ano abre a possibilidade de novos resultados e vou me dedicar ainda mais às provas do Circuito de Corridas de Rua. O calendário é extenso e requer muita dedicação – afirma a atleta.

terça-feira, 8 de janeiro de 2013

Conceição Oliveira encerra férias no Piauí por Maratona na Venezuela

Conceição Oliveira encerra férias no Piauí por Maratona na Venezuela.
Vencedora no atletismo e na vida passou infância em Piripiri e perdeu os pais cedo. Conheça sua história.

Bom filho quando a casa torna, já sabe como é. Mimo para lá, abraço para cá. Quando a filha é campeã sul-americana de atletismo e não vinha ao Piauí há dois anos, a saudade é ainda maior.Conceição Oliveira sentiu esse aconchego e o sabor da carne de sol ao chegar em Campo Maior para rever a família em dezembro.Mas o fim de férias da corredora teve de ser antecipado.
"Já engordei uns dois quilos. Tomei minhas cajuínas, comi tudo o que tinha direito. Agora comecei a dar uma diminuída nas guloseimas. Você chega aqui e é "come isso, como aquilo"., comenta a fundista, convidada para na Maratona de Caracas, na Venezuela, de onde saiu campeã e com o título continental em 2012.
O convite venezuelano pegou Conceição de surpresa e a contagem regressiva para a viagem a São Paulo, onde mora, já começou. "Eu queria voltar dia 20(de janeiro). Já não vai dar, por conta da maratona. Dia 15 já estou voltando para dar início aos treinos", afirmou em visita a redação do Cidadeverde.com nesta quarta-feira(9).

A Maratona de Caracas será a primeira prova de 2013 para Conceição Oliveira, que recorda o acolhimento recebido no ano passado. "incrível . Eles, no atletismo, valorizam muito", elogia. Terceira colocada no ranking nacional de corridas de rua, ela representa o Brasil na Venezuela no dia 26 de fevereiro.Depois descansa e se prepara para a Meia Maratona de São Paulo, dia 17 de março.

Volta às origens


Com as férias reduzidas, Conceição Oliveira acelerou a agenda de visitas aos parentes no interior do Piauí. Após passar dias em Campo Maior com a família da mãe, já falecida, e participar do Reisado em Boa Hora, a corredora segue nesta quinta-feira para o povoado Murici, em Piripiri, onde começou a plantar os frutos de sua vida no atletismo.
"Na verdade, eu jogava bola. A quantidade de primos era muito grande. A diversão que tinha era uma bola e eu estava no meio. Eu fazia tudo. Desde a defesa, meio de campo, ataque. Para mim, isso já foi uma descoberta. Uma hora eu estava na lateral, outra na defesa. Para o atletismo isso foi demais", avalia a corredora, que também ajudava na roça. Do Murici ao município vizinho de Capitão de Campos, eram 18 quilômetros, muitos percorridos de bicicleta no trabalho para ajudar a família, que vivia na região sem estrada e energia elétrica. Mas a infância também reservou dramas familiares. "Meu pai deixou minha mãe quando eu tinha 7 anos. Nunca mais eu o vi. Nem a família do meu próprio pai sabe onde ele se encontra", confessa Conceição Oliveira. Para completar, a mãe faleceu aos 36 anos, o que levou a estudante a morar em definitivo com a avó em Campo Maior para concluir os estudos. Antes de virar campeã das pistas, a piauiense morou com uma prima por três anos em Teresina. Depois, foi tentar a sorte em São Paulo, onde já está há duas décadas.
Planos para o futuro

Com contrato de um ano fechado com a Sociedade Esportiva Palmeiras, Conceição Oliveira deve disputar o Circuito Nacional de Corridas de Rua e outras provas importantes ao longo do ano. A São Silvestre, da qual teve de abdicar em 2012 em função do cansaço, passará a ser prioridade, com direito a uma preparação especial.
Aos 36 anos, Conceição já sabe que quer correr até os 40. Talvez, quem sabe, voltando ao Piauí. "Vai depender muito do futuro. Não sei o que vai acontecer daqui a quatro anos, que é o que eu pretendo correr ainda", finaliza.



Fábio Lima

fabiolima@cidadeverde.com